quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

A Onde Está o Futuro da Nação?


A onde Está o Futuro da Nação?


                                      Adriano tem 10 anos de  idade é  estudante da 3ª serie do  ensino básico na escola pública municipal em uma comunidade em Jaboatão-PE e mora com seus pais em um assentamento agrário. Esta criança  convive algo que é naturalizado na zona rural, onde o trabalho qualifica a dignidade  e a "moral" do homem e da mulher. Mas antes de avaliar a contextualização das argumentações rurais é preciso entender como este processo ocorre dentro da sobrevivência familiar.
                                      Adriano todos os dias às 5h da manhã está em seu campo de  trabalho que se estabelece no corte de Capim em áreas de vargem (lugares úmidos), o capim serve de ração para os animais. A sua tarefa é cortar e arrumar o feixe sobre o jumento e percorrer 40 minutos de distância onde se localiza os gados que consomem a matéria prima. Ele corta 12 feixes por dia, cada viagem ele leva dois feixes um de cada lado do jumento (o Adriano não informou se tem ajuda de alguém na sua tarefa).
                                      A venda da força de trabalho de uma criança, esta ligada, na zona rural a uma complementação da renda familiar onde normalmente se tem na sua conjuntura vária dependentes, ou seja, famílias com 10 ou mais filhos. A criança suje nesta contradição social como um Ser importante onde seu trabalho permite a garantia de sobrevivência dos irmãos mais novos. È importante ressaltar que os Pais na zona rural possuem baixos salários e mesmo assim assumem o papel de maior provedor econômico da célula e esta fragmentação social é fator determinante argumentativo para defesa do trabalho infantil.
                                    Assim é sobre posto á criança um pensamento adulto, onde sua atitude é honrosa a sociedade lhe configurando como um menino de caráter. Esta conduta do coletivo eleva um processo de maturação na criança muito precoce que extermina as fases naturais da vida. O casamento na adolescência é idealizado muita das vezes com uma alternativa de aliviar o sofrimento, da opressão, do castigo paternalista onde os jovens estar centrado, Mesmo assim a vida dessas crianças está pressa as mesmas realidades de Pais, pós o processo de antecipação de seus amadurecimento os mantém como reprodutores de suas  próprias contradições.
                                    Para criar uma alternativa para essas crianças, é preciso romper a lógica institucional da Educação tradicional. Na zona rural as crianças não têm onde ocupar o tempo a não ser no trabalho. Os únicos lugares onde pode ser estabelecido este aconchego são a Escola e as Igrejas evangélicas, mas a Escola é chata é uma divisão de quatros parede onde começa a aula depois de uma jornada de trabalho. Na verdade é um paliativo assistencialista onde o Estado garante sua atuação.  È correto afirma a importância que o coletivo  na zona rural dar ao trabalho  ligando-o a uma  responsabilidade social. Mesmo assim é direito constitucional que acriança viva seu momento e perceba o que a vida tem a lhe dar. O  autoritarismo dos Pais não pode apagar este direito. Essa demanda pode ser  e dialogada pelo processo de uma Educação social e inteligente entre o trabalho e suas formas e como os Pais devem agir diante de suas responsabilidades criando na verdade uma contra hegemonia uma nova cultura onde a convivência  humana não seja a exploração do trabalho infantil.

sábado, 26 de novembro de 2011

Jaboatão sobre as nuvens negras do atraso industrial


 industria: Cepasa antiga portela  em Jaboatão Centro

Jaboatão sobre as nuvens negras do atraso industrial

          A cidade de Jaboatão possui uma das maiores renda do Estado, e concentra-se dentro de sua formação econômica a lógica da industrialização. Essa demanda econômica surge em meio ao que podemos chamar de movimento Desenvolvimentismo, quem tem grandes incentivos nos governos nacionalista.
           É de fato que a ideia da industrialização é algo defendido tanto pela esquerda quanto a direita, o que muda é o modo operante de atuação política no processo de intervenção entre as duas ideologias. Pensar em um Jaboatão futuro é questionar o presente como algo a ser mudado tanto na estrutura como no modelo industrial, onde o passado histórico deve ser preservado como um bem da humanidade.
           Hoje a cidade tem em seu centro uma altíssima poluição (fumaça) causada pelas indústrias locais sem contar as demanda in naturas que são jogadas nos rios. Interrogar a lógica imperial burguesa dentro da nossa cidade onde a população encontra-se nos setores de baixa renda torna-se um desafio entre “Golias e Davi” mais que deve ser enfrentado e resolvido de modo coletivo e não pessoal, por se tratar de uma questão de políticas publicas. O tipo de poluição que é exposto a nossa população torna-se desumana trazendo doenças diversas e como sempre destruindo o meio ambiente.
            Propor a destruição do desenvolvimento em nossa cidade é negar a importância da industrialização. O que não se pode ter dentro de uma conjuntura política de mudança social é a hegemonia dos interesses capitalistas liberais. A industria deve ser regulada pelo Estado e muito alem disso ela deve ser pressionada a ter responsabilidade social com a população.
           Segundo Celso Furtado pai do movimento desenvolvimentismo o Processo de industrialização deve propor o Bem-estar social das pessoas e promover a diminuição da desigualdade. Ele ressalta que a economia deve ser ligada ao meio ambiente defendendo um Estado auto sustentável.
           Para Bernardo Sorj essas contradições surge pelo que podemos denominar como modelo político capitalista liberal Estado racionalizador onde se promete a emancipação social como uma imagem  aproveitadora e equilibra o Estado sobre o crescimento econômico esquecendo a odesenvolvimento educacional e social da população como futuro da nação.
           A cidade de Jaboatão dentro de seu contexto de industrialização precisa ser inovado criando-se áreas especificas sem esquecer da importância da sustentabilidade.

fabrica da Cepasa  antiga portela  vista de longe 

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

É desvendado o mito do túnel do barão de suassuna

A Juventude Suassuna desvenda o mito do túnel do barão de Suassuna




A organização de jovens e Adolescente da fazenda Suassuna  em pesquisa com colaboradores  sobre o que realmente o  túnel de tijolos  e pedra que fica as margem de rodagem denominada por estrada do barão, significava. Antigos moradores e trabalhadores da usina jaboatão diz que o túnel servia de acesso a igreja de muribeca outros dizem que ia para o engenho caiongo de acordo com essas pessoas o túnel tinha mais de 10Km. Outras mais ousadas diziam ter entrado e chegado a um portão com enormes cadeados e por isso tinha voltado.

O prof. Carlos de arqueologia em história da UFPE participou da ousadia e através de detector de metal desvendou o mito. O túnel só tem aproximadamente 4m uma largura de 1,5cm , e altura de 2,20cm.
e segundo o profº serviria de esconderijo de armas e sua construção não é de período Holandês como afirma os antigos moradores é do período do Barão de suassuna.

O que realmente fica em mistério é saber o realmente era o túnel.
quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Figuras Rupestres

A Juventude Suassuna encontra as primeiras pinturas rupestre de Jaboatão?

Provável Figuras Rupestre

                    Ao decorrer das pesquisa feita pela juventude suassuna sobre as origem dos primeiros habitantes da cidade de Jaboatão, vem sido absolvido grandes acervos naturais  que prova a existência de povos nativos.
                   As figuras fazem parte de uma expedição que começou no ano passado e que  ainda mantém  duvidas sobre a  veracidade dos materiais, por motivos de não comprovação cientifica, mais segundo Alexandre roseno organizador do movimento:"A equipe esta bem nas pesquisas e elaborando um resultado a ser divulgado, pós não sabemos se de fato é ainda uma figura rupestre".




O projeto de elaboração segue na coordenação da juventude suassuna com parceria com os movimentos sociais: Mudar Jaboatão na coordenação de Mário César e do Jaboatão Redescoberto por James Devison
quinta-feira, 4 de agosto de 2011
Juventude Suassuna no Intercambio  entre Brasil, Africa do Sul e luxemburgo!!!!
os jovens em Caruaru no MST


Equipe de elaboração do intercambio


RECIFE RECEIVES YOUTH IN SOUTH AFRICA EXCHANGE

RECIFE RECEBE JOVENS DA AFRICA DO SUL EM INTERCAMBIO

A partir da terça-feira, dia 2 de agosto, a juventude suasuuna de jaboatão e  os jovens brasileiros recebem os africanos no Recife, na segunda etapa do Projeto Intercambio Sócio-cultural. Mesmo, sem a presença dos jovens luxemburgueses, a galera do Brasil preparou atividades diversas com a cara juvenil. A gente esta esperando a juventude chegar, vai ter espetáculo, vai ter luta.


A participação de jovens da juventude Suassuna de jaboatão do guararapes, fortalece a comunicação e o desenvolvimento socio cultural e ideológico político das organizações juvenis da cidade. Estão representando a intidade: alexandre roseno  o diretor da juventude Suassuna e Mario Cesa do movimento social , Mudar Jaboatão.

O Intercambio é promovido pela  ETAPAS
RECIFE RECEIVES YOUTH IN SOUTH AFRICA EXCHANGE
Starting from Tuesday, August 2, young Brazilians receive Africans in Recife, in the second stage of the Socio-Cultural Exchange Project. Even without the presence of young Luxembourg, the people of Brazil has prepared several activities with the youth face. We're expecting to reach the youth, will have spectacle, will have a struggle.
sexta-feira, 15 de julho de 2011

Chegamos a Maior Idade
21 anos do ECA, Estatuto da Criança e do Adolescente

Larissa Roseno




                              No dia 13 de Maio de 1990 foi criado o ECA- Estatuto da criança e do adolescentes. A partir  deste momento histórico, o Brasil passou a ter um olhar mais expressivo para as crianças e adolescentes  em seu contexto social e político.
                                      O ECA fortalece a resistência das lutas dos movimentos sociais juvenis e afins, garantindo como Lei os direitos  e deveres dos quais se enquadra em sua  conjuntura. O direito a Educação, Saúde e Lazer são ferramentas importantes na formação social e política das crianças do mundo inteiro. 
                           O grande impasse hoje é a demanda  de menores infratores causadas pelas ansiedade e vícios politicamente incorretos. Para entender a importância do ECA é preciso olhar o passado como  agente reprodutor. A sociedade que temos hoje somos nós que há reproduzimos,  o sistema econômico, os contrastes sociais são mentores da socialização dessa nova geração. A forma de como se organiza a cidade, entre ricos e pobres discrimina historicamente a formação dessa geração coca-cola.
                             Enquanto o Estado  não quebrar essa hegemonia burguesa e passar a construir uma nova perspectiva política igualitária, os jovens buscarão seus próprios rumos, que em muitos casos são as drogas e a prostituição e etc. A desvalorização da família , cria cada vez mais o individualismo, destruindo a ética social, o compromisso com o próximo. A educação e a valorização da família é a melhor forma de construção de uma consciência politica.
                         A  grande transformação  que o ECA trouxe foi um novo olhar construtivo, uma nova sociedade para essa futura geração.

Larissa e Paulinho , brincando na casa da avó
"Cada criança tem um sonho para nosso futuro..."  (Alexandre Roseno)

sábado, 21 de maio de 2011


LOTE 56
















       Como desenvolver  e emancipar socialmente e politicamente as pessoas numa perspectiva de uma construção de uma nova sociedade?
              
           A juventude suassuna se reuniu neste mês de maio para debater com os jovens da comunidade um tema que envolve  o futuro de todos : a construção de uma comunidade justa para todos.
             Uns dos tema trazido para os jovens foi uma critica sobre o formato de seu bairro  ou seja o transporte coletivo, pavimentação, espaço público, escolas, e politica de emancipação social. Logo ao iniciar o debate os jovens declaram suas irritações ao formato das suas comunidades, são comunidades isoladas de políticas sociais que ajudem a transformação desses jovens.
             O coordenador de esporte transformador da juventude suassuna, Nido Cabo, relatou no debate  a falta de quadras para  os jovens.
            A politica de desenvolvimento urbano é um direito de todos.  A luta da juventude suassuna, é  organizar um projeto que oriente os jovens a  projetar sua comunidade. ou seja ensinalos a auto  revolução emancipação social e política.
domingo, 23 de janeiro de 2011

Nosso limite é o céu


Jaboatão é o maior local  turístico ecológico de Pernambuco !
No topo da serra da macambira, ponto mais alto da cidade do jaboatão, engenho macujé.
quem esta lá, da esquerda para a direita: fabiano suassuna, paú, alexandre roseno, edson, googo, leu , Waldenilton, e james devison
Juventude Suassuna embarca em mais uma aventura. Conhecer a beleza natural de Jaboatão e Cabo de Santo Agostinho.

Jaboatão:
                                  A beleza ecológica e histórica da cidade de jaboatão é um dos fundamentos  do nosso orgulho em sermos jaboatãonenses. jaboatão é  responsável em fortalecer o turismo  no estado de Pernambuco. A sua diversidade ecológica da um diferencial entre as demais cidades do estado.
A zona rural possui um potencial ecológico muito grande,  e com este seguimento vem as casa Grande dos engenhos, os mitos Históricos e as longas estradas muito utilizadas para  fazer trilhas em bicicletas, motos, triciclos e carros.
                                As nascentes são outros atrativos, elas tem dois sentidos: um, o Rio pirapama e o outro o Rio Jaboatão este mistério da natureza, acontece nas terras do engenho secumpema onde mais adiante está a reserva ecológica estadual são Salvador  e o Rio gujaú, cercado de mata virgem,  e vários tipos de animais e lagos.
                               A cidade do jaboatão tem seu território ligado as cidades do Cabo de Santo Agostinho, Moreno e Recife, isto facilita ainda mais sua expansão ecológica

                             Na busca de registrar as riqueza ecológicas de jaboatão e cidades vizinhas que fortalecem ainda mais o roteiro turístico. A juventude suassuna embarcou em mais uma aventura , em trilhas, viagem de ônibus coletivo, bicicletas e motos. visitando engenhos, matas atlânticassitio e rios e montes. Percorremos cerca de 11 engenhos entre eles : penandubinha, camaço,pedra lavrada,secumpema,são salvador, jocobima(moreno),carauna(moreno), gujaú, mato grosso e  macujé. os Rios visitados foram Rio gujaú, e são salvador e riacho suassuna.

lago de águas,  nas matas da reserva estadual , são salvador, jaboatão
Rio gujaú

nascentes no engenho sucumpema.  e ao lado uma pegada parecida  com a sola de um pé. mistério num mundo  religioso, esta localizada nas cataratas do engenho gujau
Engenho gujaú
casa grande do engenho gujaú
serra da macambira, ponto mais alto de jaboatão. lindo pôr do sol 


Cabo de Santo Agostinho:

                                                                A cidade do cabo de santo Agostinho é marcada por vários acessos, que facilita sua visitação, a mata atlântica, e as belíssimas praias. são locais de mais procurados. Houve um grande avanço nos ultimo anos, recuperação e pavimentação das estradas, mais segurança como é visto no  forte da praia de gaibú, sem comentar sua  recuperação que fortaleceu ainda mais o turismo local.
                                                                 O transporte coletivo facilita os números de turista vindo das cidades vizinha, tornado o local acessível a todos. A cidade pode avança muito neste setor se controlar as reservas da mata atlânticas que possui, e que são cobiçadas por empresários, para construção imobiliária.
Na cidade não há uma politica de recebimento e divulgação aos turista, adequada este seja o ponto mais negativo.

Pontos mais visitados:
Banho de lama ( argila)
Praia de tapuama, do paiva, de gaibú, calhetas e praia de nazaré.
as praias são ótimas para o surf.
na zona rural o destino mais visitado é Juçaral

banho de lama. quem estava lá: da esquerda para a direita: Abinadab, ezequias piranga, adriano roseno, eliab, adriano nunes, amós e alexandre roseno

reserva atlântica do Paiva

Adriano roseno
adriano roseno, Lyla da holanda, Van de são paulo e alexandre roseno. Em Duas lagoa cabo de santo agostinho

local de entrada do banho de lama


Duas  lagoas cabo de santo agostinho





"É  bastante fácil o acesso a praias da cidades do cabo, deveriam investir mais em transporte publico e em segurança como acontece na Holanda. "  falou a o casal de turistas Lyla da Holanda e Van de São Paulo.



Crítica:
              O turismo é algum que existe. Mesmo quando os  órgão público afasta sua  intervenção à este setor. Para entender esta contradição a juventude suassuna formou um grupos para visitação e estudo para criação de um roteiro turristico. E foram gasto nessa aventura 700,00R$.  isto comprovou que o setor turístico existe, só não é governado. o numero de pessoas que fazem trilhas de motos , bicicletas e carros  surpreendeu nossa equipe de pesquisa.
             encontramos na noza rural do jaboatão estradas em persimas conservação, sem    policiamentos , há um des-matamento enorme, as nascentes são sufocadas pelas plantação de cana de açúcar,sem falar do aumento da prostituição infantil nos locais de banho nos rios dos engenhos. A violência na zona rural entre os jovens ainda é o consumo do álcool.
               Não há transporte  coletivo na zona rural  e quando tem é só 2 ou 3 vezes na semana este fato foi visto nas tres cidades, Moreno, Cabo e Jaboatão. Sem falar que as estradas  rurais não tem nomes ou seja endereço. Vivem acostumados nas mediocridade e desrespeito do poder público.
            Desenvolver o turismo em jaboatão não é algum difícil, como já constatamos o setor já existe basta governa-lo.


" o a serra da macambira o ponto mais alto de jaboatão, lugar onde deveria ter uma preservação ecologia e receber turista. Esta cercado de cana de açúcar e torres elétricas da chefes."  relatou Edson silva  secretario da juventude suassuna.


 "A] lagoa azul é um dos lugares mais preferido quando venho a jaboatão, mais o acesso é muito precário e não há segurança." relatou o turista Erich Josse 35 anos, da   Holanda. 
quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Quem será capaz de desenvolver a agricultura em jaboatão

 Quem será capaz de desenvolver a agricultura em jaboatão?

Porque somos pobres se temos muitas riquezas...?


senhor severino contente com suas plantações,  no seu roçado
Dona Maria,  sitio do  seu neco, situado no eixo de integração da muribeca 


    O desenvolvimento da agricultura em nossa cidade segue uma política liberal e descentralizada. contextualizada no mercado de capital, entre o patrão e o empregado e o trabalhador informal.
     A economia agrícola  da cidade do jaboatão, [está dividida em três grandes grupos: a agricultura cana-vieira, a agricultura familiar (produzida por pequenos agricultores) e os atravessadores que comercializam na feira do centro da cidade.
    A criação de politicas publicas para a agricultura é um dever do Estado epode ser desenvolvida pelo  gestor municipal. A agricultura gera uma economia solida, cria renda e recurso para a cidade, quando uma gestão não centraliza seu governo sobre a economia agrícola, e seu desenvolvimento sustentável, o mesmo deixa de se preocupar com a qualidade da alimentação que a população estar consumindo e o mercado de trabalho que a zona rural possui.
    Na cidade do jaboatão nunca houve uma gestão voltada para agricultura ao ponto de se criar uma politica econômica em que alcança-se grandes metas  de produção ao longo do anos.
    Os pequenos agricultores familiar são os que mais sofrem com essa politica liberal, porem   suas terras ou seus sitos, na maior parte pertencem aos engenhos. A cidade do jaboatao possui mais de 20 engenhos produtores de cana de açúcar, donos de uma vasta extensões  de terras.
   Essas contradições é um dos motivos da desmotivação dos pequenos produtores rurais. a cada 10 sítios visitados pela juventude suassuna 09 não tinham documentação da propriedade e 07 pertencia ao senhor de engenho. muitos sitio são limitados ao que possam produzir ou plantar. a falta de documentação, estrutura social e infra-estrutura das estradas que dar  acesso a cidade para a comercialização são os pivores para a baixa produtividade.
    Como processo de intervenção,o  Estado criou o IPA (instituto de pesquisa agrária de pernambuco) que conta com o Banco do Nordeste para financiamento ao produtor rural. junto vem o gestor municipal com suas políticas de intervenção e as associação de agricultores e sindicatos rurais. Desenvolver  à agricultura na cidade do jaboatão não é algo fácil, a verdade é que as pessoas preferem ser empregado com sua carteira assinada do que  serem um produtor rural. mais vale lembrar que estes órgão são pagos para desenvolver a agricultura e não para se calar diante dos fatos.


" O governo esta preocupado só com a vara, nem ensina a pescar  e nem  compra nosso  peixe, essa é a realidade do nosso povo...". relatou seu bio da jaca, do engenho são joaquim 


banana anã, sitio da Dona  leonor, fazenda suassuna, jaboatão
Dendê , sitio do Seu Zeca, engenho são pedro, jaboatão
nascente do sitio do seu Zeca , engenho são pedro, jaboatao
manga maranhão, sitio do Seu Deda , engenho são joaquim, jaboatão
  A organização de jovens e adolescentes da fazenda suassuna, cria um blog para relatar as pesquisas e a importância dos sitio para uma cidade sustentável.  
www.sitiosbrasil.blogspot.com

  A juventude suassuna vem desde 2009 documentando os sitio e sua produções agrícola, na cidade do jaboatao, na coordenação deste projeto esta alexandre roseno. outro projeto é a documentação históricas e arquitetônicas dos engenhos e casas grande, e na coordenação deste projeto estão fabiano suassuna e Edson silva , outro projeto bem ousado é o mapeamento das estradas rurais da nossa cidade, que ira servir para facilitar a locação dos engenhos e sitios e reservas naturais e ecológicas, esse projeto é coordenado pelo geógrafo jemes devison .

About Me

Seguidores