sábado, 28 de julho de 2012


Salve o Rio Jaboatão


           O Rio Jaboatão em seu Apogeu de desgaste ambiental é de fato a expressão da omissão e do descuido generalizado das políticas públicas com os recursos naturais que sobrevivem de forma resiliente e calamitosa  ao longo da formação territorial e espacial da cidade. A incapacidade de elaboração de um projeto Eficaz em parceria com o Estado e os municípios de Vitória de Santo Antão, Moreno, e Jaboatão objetivando o   equilíbrio ambiental. 
             A relação entre o rio e a cidade é marcada e imortalizada  pela liberdade de sua corrente fluvial que percorre livremente registrando e as canções de seus imortais  e Ilustres filhos desta terra. 

           Conhecer Jaboatão é, sobretudo, conhecer as águas que cortam suas terras, construir seu olhar e exaltar sua origem. Rio Jaboatão, no qual os povos indígenas se banhavam, marcavam suas infâncias, criando subsistências na transformação natural e socioambiental, consolidando um processo de sociabilidade sustentável.

           “Os rios que deságuam no litoral pernambucano recebem, ao longo dos seus cursos, todos os tipos de descargas poluentes, como resíduos agrícolas, esgotos domésticos e detritos industriais, apresentando, assim, graves distúrbios ecológicos. Uma câmera na mão e incontáveis ideias na cabeça, jovens de diferentes comunidades desta cidade construíram juntos um documentário Águas do Jaboatão, o documentário já possibilitou a ida dos jovens á conferencia internacional  Rio+20 na Caravana da REJU-PE, no Rio de Janeiro o que fomentou e fortaleceu as bases de luta pela justiça Social e ambiental pregada pelos jovens das comunidades periféricas e urbanas da cidade. A proposta desse documentário é redescobrir o Rio Jaboatão e lutar pela sua revitalização, através da conscientização do poder público competente, desde sua nascente até sua foz em Barra de Jangada.  A homenagem do documentário “Águas do Jaboatão” vai ao saudoso Prof. Orlando Breno, um dos pioneiros nessa aventura cultural e histórica que desvendou a descoberta da nascente do Rio Jaboatão em Vitória de Santo Antão–PE. O Amor à Cidade é o fundamento que leva  jovens a ter sede de conhecimento e compartilhamento do sonho de um espaço urbano possível e  igualitário a todas as pessoas. Com o coração cheio de indignação diante do descaso com todo o ecossistema envolvido na bacia fluvial do Rio Jaboatão, construiu-se o documentário que sistematiza como essa relação de desgaste é feita tanto pela população, com ocupações desorganizadas resultado de uma desconjuntura estrutural, e as fábricas atualmente, principal fonte poluidora  do nosso Rio Jaboatão.  A grande proposta agora é, poder levar a cada residente da cidade de Jaboatão o conhecimento e a perspectiva critica do Rio queremos para nós, da sustentabilidade Desejamos. E que as pessoas conscientes que partilham do sonho de um dia ver o rio revitalizado possam contribui sumariamente no processo de conscientização sócio-politico-ambiental para a revitalização e manutenção do ecossistema e todo o bioma envolvido.  Sendo assim, desejamos levar para o cenário de pauta das eleições a responsabilidade com o meio ambiente e com a temática de Saúde e preservação Ambiental como um apelo ao poder público competente para que não se repita a indiferença que vem se sucedendo nas gestões que se seguem para que possamos deixar um legado de equilíbrio, responsabilidade e Amor á natureza e ao ecossistema para as futuras gerações.
          A grande luta contra a hegemonia será elevar a pauta política atual, de assistencialismo e  descaso evidente para um Jaboatão justo e sustentável.

“Maior exemplo de comprometimento não há senão aquele que se entrega por completo na luta por seus ideais.”
                                                                                                                             Joel Emidio

Texto por: Alexandre Roseno/Joel Emidio
Estudante de Serviço Social - Estácio-FIR/ Bacharéu em Administraçao-Faculdade Integrada de Pernambuco.
Trecho da volta do Carangueijo - Jaboatão velho

0 comentários:

About Me

Seguidores